A República do Togo
Trabalho - Liberdade - Pátria
Version française
Facebook
e-mail

Panorama Comercial entre o Brasil e Togo



Intercâmbio comercial bilateral


De 2008 a 2012, o intercâmbio comercial entre os dois países aumentou 0,86%, de US$ 81,7 milhões para US$ 82,4 milhões.
Em 2012, a corrente de comércio foi 50,7% menor que em 2011 em função, basicamente, da diminuição das exportações brasileiras. Nota-se que no período analisado, a corrente de comércio teve seu melhor desempenho no ano de 2011 (US$ 167 milhões).


O Togo foi o 13° parceiro do Brasil entre os países da África Subsaariana (participação de 0,52% na região) e o 112º no mundo (participação de 0,02%).


Na tabela abaixo, apresenta-se a evolução do intercâmbio comercial entre o Brasil e o Togo:



BRASIL-TOGO: EVOLUÇÃO DO INTERCÂMBIO COMERCIAL
US$ milhões, fob

DESCRIÇÃO
2 0 0 8
2 0 0 9
2 0 010
2 0 11
2 0 12
Exportações brasileiras
41,0
66,8
69,1
160,5
78,8
Variação em relação ao ano anterior
8,9%
63,1%
3,5%
132,1%
-50,9%
 
Importações brasileiras
40,7
0,0
6,3
6,8
3,5
Variação em relação ao ano anterior
266,3%
n.a.
n.a.
n.a.
-47,8%
 
Intercâmbio Comercial
81,7
66,8
75,4
167,3
82,4
Variação em relação ao ano anterior
129,7%
-18,2%
12,9%
121,7%
-50,7%
 
Saldo Comercial
0,2
66,8
62,8
153,7
75,3
Elaborado pelo MRE/DPR/DIC - Divisão de Inteligência Comercial, com base em dados do MDIC/SECEX/Aliceweb.n.a. Critário não aplicável.



Composição do comércio, por fator agregado


Em 2012, as exportações brasileiras para Togo foram compostas predominantemente por produtos manufaturados, que corresponderam a 97,3% da pauta.
Os produtos básicos representaram quase a totalidade dos produtos importados pelo Brasil.


Na tabela 4, apresentam-se as exportações e importações brasileiras, por fator agregado:


BRASIL-TOGO: EXPORTAÇÕES E IMPORTAÇÕES, POR FATOR AGREGADO
US$ milhões, fob - 2012

DESCRIÇÃO EXPORTAÇÕES BRASILEIRAS IMPORTAÇÕES BRASILEIRAS
VALOR
PART.%
VALOR
PART.%
Básicos
1,3
1,6%
3,5
99,9%
Semimanufaturados
0,9
1,1%
0,0
0,0%
Manufaturados
76,7
97,3%
0,005
0,1%
Transações especiais
0,0
0,0%
0,0
0,0%
Total
78,8
100,0%
3,5
100,0%
Elaborado pelo MRE/DPR/DIC - Divisão de Inteligência Comercial, com base em dados do MDIC.



Exportações brasileiras para Togo


De 2008 a 2012, as exportações brasileiras para o Togo aumentaram 92,2%, de US$ 41 milhões para US$ 78,8 milhões. No entanto, os embarques diminuíram 50,9% entre 2011 e 2012.


Em 2012, o Togo foi o 14° destino das exportações brasileiras entre os países da África Subsaariana (participação de 1,22% na região) e o 105º no mundo (participação de 0,03%).
Os principais produtos da pauta de exportações brasileiras para o Togo, em 2012, foram:
i) açúcar refinado (valor de US$ 68,3 milhões, participação de 86,68% no total – diminuição de 50,9% em relação ao ano de 2011).



Importações brasileiras originárias do Togo


De 2008 a 2012, as importações brasileiras originárias do Togo registraram diminuição de 91,4%, de US$ 40,7 milhões para US$ 3,5 milhões. Em 2012, as aquisições foram 40,5% menores que em 2011.


O Togo foi a 14ª origem das importações brasileiras entre os países da África (participação de 0.04%) e a 118ª no mundo (participação inferior a 0,01%).


Os principais produto importados pelo Brasil procedentes do Togo, em 2012, foram fosfatos de cálcio, naturais, moídos (valor de US$ 3,53 milhões, participação de 99,7% do total).



Balança comercial bilateral


O saldo comercial bilateral é tradicionalmente favorável ao Brasil. De 2008 a 2012, houve superávits, em todos os anos: US$ 200 mil (2008) US$ 66,8 milhões (2009), US$ 62,8 milhões (2010); US$ 153,7 milhões (2011), e US$ 75,3 milhões (2012).